Tarcísio Meira morre de Covid aos 85 anos

Ícone da dramaturgia e um dos maiores galãs da história do Brasil, ele estava internado na UTI do Albert Einstein. Ator e sua esposa, a atriz Glória Menezes, de 86 anos, deram entrada no hospital em 6 de agosto; boletim informou que ela deve ter alta em breve.


Pandemia tira dos brasileiros um gigante: morre, aos 85 anos, Tarcísio Meira
https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.474.0_pt_br.html#goog_29719922900:00/01:57

Pandemia tira dos brasileiros um gigante: morre, aos 85 anos, Tarcísio Meira

O ator Tarcísio Meira, um dos maiores galãs da história da TV brasileira e ícone da dramaturgia do país, morreu aos 85 anos, na manhã desta quinta-feira (12), vítima de Covid-19. Ele estava internado no hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, em tratamento contra a doença.

Tarcísio e sua esposa, a atriz Glória Menezes, de 86 anos, deram entrada no hospital na sexta-feira (6). O artista chegou a ser intubado na UTI e a fazer hemodiálise contínua. De acordo com boletim médico divulgado na tarde desta quinta, a atriz deve ter alta em breve.

Nascido em 5 de outubro de 1935, em São Paulo, Tarcísio Meira teve uma carreira de mais de seis décadas. Fez TV, cinema e teatro e interpretou dezenas de papéis marcantes (veja mais abaixo).

https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.474.0_pt_br.html#goog_29719923200:00/02:49

Tarcísio Meira e Glória Menezes se conheceram no teatro e foram casados por 59 anos

Tarcísio Meira e Glória Menezes, em foto de março de 2016 — Foto: Celso Tavares/G1

Tarcísio Meira e Glória Menezes, em foto de março de 2016 — Foto: Celso Tavares/G1

Vacina

Tarcísio e Glória receberam a 2ª dose da vacina contra Covid em março deste ano, em Porto Feliz, no interior de São Paulo.

Nenhuma vacina oferece proteção de 100% contra doenças, mas todas reduzem o risco de infecção, hospitalização e morte, principalmente depois da segunda dose.

É importante lembrar que vacinas funcionam, mas não são infalíveis. Ainda assim, apesar de a probabilidade de infecção após a vacina ser pequena, quanto mais a doença estiver circulando, maior é o risco de o imunizante falhar. Por isso a necessidade de vacinar o maior número de pessoas possíveis o quanto antes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *